Laboratório de Análises Clínicas – Testes COVID

Laboratório de Análises Clínicas HNSG  – Unidade Exclusiva para Testes da COVID-19

O Laboratório de Análises Clínicas do Hospital Nossa Senhora das Graças possui uma Unidade Exclusiva para a realização de testes da COVID-19. A Unidade Exclusiva para a realização de testes COVID fica localizada na R. Profa. Rosa Saporski, 253, Mercês – área externa do HNSG.

Os exames oferecidos são – pesquisa de antígeno, PCR (Padrão Ouro) e pesquisa de anticorpos IgM e IgG.

Agendamento do teste

Antes de comparecer à Unidade é necessário fazer o agendamento pelo telefone (41) 3240-6019.

Horários de Atendimento

Segunda a sexta-feira, das 9h às 17h e aos sábados, das 8h às 12h.

Qual o melhor teste para você?

Oferecemos diferentes testes laboratoriais indicados para investigação da infecção pelo SARS-CoV-2 (Coronavírus).  Saiba mais sobre os testes realizados:

Pesquisa de Antígeno

Pesquisa a presença de antígeno em amostra coleta com swab nasal.

Quando realizar

Do 1º ao 7º dia de sintomas.Para assintomáticos após contato de risco com suspeito ou confirmado, realizar entre o 5 e 7º dia após o contato de risco.

Importante

No caso de teste negativo, em presença de suspeita clínica, deve ser realizado o RT-PCR para confirmação (positiva ou negativa).

PCR (Padrão Ouro)

Pesquisa se os genes N2 e E estão presentes nas amostras de swab nasofaríngeo.

Quando realizar

Até o 7º dia de sintomas, preferencialmente entre o 3º e 5º dia (tempo ideal). Pode ser realizado a partir do primeiro dia de sintomas, quando há maior carga viral.Para assintomáticos após contato de risco com suspeito ou confirmado, realizar entre o 5 e 7º dia após o contato de risco.

Importante

Caso o resultado seja negativo em vigência de forte suspeita clínica deve-se repetir o PCR em 48 horas.

Pesquisa de Anticorpos IgM e Covid – Pesquisa de Anticorpos IgG

São ensaios imunológicos, realizados em amostras de sangue, que pesquisam a presença de anticorpos produzidos contra o vírus, portanto é indicado para diagnosticar doença prévia ou contato prévio.

Quando realizar

A sensibilidade da sorologia é crescente a partir de 14 dias após o início dos sintomas. Para pessoas que apresentaram sintomas leves ou nunca foram sintomáticas, recomenda-se a coleta depois de 21 a 28 dias a partir do início dos sintomas ou da exposição com risco potencial de transmissão.

Importante

A sorologia pode contribuir para o diagnóstico nos casos com mais de 14 dias de evolução da sintomatologia, quando a sensibilidade da PCR começa a declinar, ou ainda para pacientes que apresentem PCR negativa, para os quais se mantenha a suspeita diagnóstica.