O perigo dentro de casa

Ortopedista do HNSG dá dicas de prevenção para evitar acidentes domésticos, uma das principais causas de fraturas.

Grande parte das pessoas, com certeza, já sofreu algum tipo de acidente em casa. É aquele tapete que escorrega, uma topada em um brinquedo do neto deixado no meio da sala, ou até uma queda na escada. Essas situações são mais comuns do que se imagina, pois acontecem, principalmente, com objetos que muitas vezes parecem inofensivos, mas que podem trazer sérios riscos para à saúde.

“Não são somente acidentes de trânsito que matam ou machucam gravemente. Nós ortopedistas atendemos situações que poderiam ser evitadas, ou ao menos, ter o risco diminuído”, diz o ortopedista do Hospital Nossa Senhora das Graças (HNSG), de Curitiba, Dr. Eduardo Novak. Idosos e crianças são as principais vítimas. Confira algumas dicas do médico para evitar esses acidentes domésticos:

Objetos espalhados pelo chão – Tapetinhos, chinelos de pano e brinquedos dos netos espalhados em casa de idosos, podem fazê-lo escorregar, e ocasionar fraturas graves.

Copos altos – Muito cuidado ao lavá-los, pois podem quebrar e cortar nervos e tendões. Não coloque a mão com a esponja por dentro.

Banco para alcançar objetos – Os bancos podem cair ou balançar e a pessoa cair de altura, sofrendo traumas sérios. Arrumar o sótão, valendo-se daquele banquinho preto cambaleante de plástico, ou mesmo aquela escada manca, para alcançar a tampa do alçapão, também pode trazer consequências indesejáveis.

Escadas – Se a pessoa não tem habilidade para trabalhar em altura, melhor não se aventurar. Quedas de

telhado causam lesões tão ou mais graves do que acidentes de trânsito.

Piscinas – Continuam fazendo vítimas. Lonas não bastam, é necessária uma barreira física para impedir o acesso dos pequenos desacompanhados.

Serras – Serras elétricas devem ser usadas por profissionais que saibam qual máquina se destina a tal fim. Há máquinas feitas para determinado tipo de material, e que são usadas para outra finalidade. Aí, mesmo profissionais podem vir a se machucar.

Carne congelada – Não deve ser cortada com faca de cozinha, aventurar-se pode trazer sérias consequências.

Casas – Devem ser projetadas pensando que idosos irão frequentá-las. Se você ainda é jovem, e está construindo um lar, pense que um dia você irá envelhecer, e a casa deverá ser acessível para você daqui a algumas décadas.

Voltar