Hospital Nossa Senhora das Graças
Internação

CENTRO CIRÚRGICO

O Centro Cirúrgico do Hospital Nossa Senhora das Graças é constituído de dez salas de cirurgias, equipadas com tecnologia de ponta e planejadas para realização de cirurgias de grande, médio e pequeno porte, como neurológicas, cardíacas, vasculares, gástricas e outras. Possui ampla sala para recuperação pós-anestésica, farmácia satélite para disponibilização de medicamentos e materiais necessários ao procedimento, e ainda conta com o suporte da Central de Materiais e Esterilização, serviço de referência no Estado.

Todos os pacientes que realizam cirurgia no HNSG passam por protocolos de Cirurgia Segura da OMS, que garantem mais qualidade e segurança no atendimento.

CENTRAL DE MATERIAL E ESTERILIZAÇÃO

A Central de Materiais e Esterilização (CME) é responsável por prestar apoio técnico e logístico aos diversos serviços do HNSG que fazem o uso de materiais esterilizados e desinfectados. A CME é um serviço próprio do HNSG e tem como característica principal a segurança nos procedimentos realizados, que não só garantem a tranquilidade aos médicos e clientes, como colocam-na em posição de referência no Estado.

O principal diferencial da CME do HNSG é a utilização do esterilizador sterrad de 30 e 100l. O equipamento além de ser um referencial de qualidade em esterilização, é uma tecnologia ecologicamente responsável. O HNSG foi por muito tempo o único Hospital de Curitiba a possuir o sterrad, por este motivo é visitado periodicamente por outros hospitais do Paraná e de outros Estados brasileiros.

STERRAD

O Esterilizador STERRAD, desenvolvido pela Johnson & Johnson, realiza a esterilização de instrumentos médico-hospitalares através do uso combinado de peróxido de hidrogênio e plasma, que permite que o processo seja realizado de forma rápida e segura sem deixar resíduos tóxicos. O Sistema Sterrad é a mais eficiente tecnologia para esterilização a baixa temperatura.

O HNSG possui o sterrad 100l para ciclos mais longos de 50 min, aproximadamente, e a versão 30l, que trabalha em ciclos mais curtos, entre 28 e 38 minutos, que possibilita ao HNSG realizar com a mesma eficiência, esterilizações que necessitam mais rapidez, como por exemplo entre uma cirurgia e outra.

A tecnologia dos aparelhos não utiliza água, não emite resíduos tóxicos e consome apenas 6% da energia elétrica em relação às autoclaves tradicionais - equipamentos para esterilização a vapor. Um benefício ao meio ambiente e segurança nos processos à Instituição e seus clientes.

SALA DE RECUPERAÇÃO PÓS-ANESTÉSICA

Após a realização do procedimento cirúrgico e/ou obstétrico, o paciente é recebido pela equipe de enfermagem, em um ambiente tranquilo. Neste local, é realizado o monitoramento dos dados vitais, assim como o controle de drenos, sondas e curativos.

Além disso, a equipe realiza quando necessário medidas para confortar sintomas pós-anestésicos, como calafrios e náuseas. Após o período necessário na sala de recuperação, é solicitado ao médico anestesiologista a avaliação do paciente. Estando este em condições estáveis é encaminhado ao quarto ou liberado para alta com acompanhante.

PROTOCOLOS DE CIRURGIA SEGURA

Os pacientes cirúrgicos e obstétricos que internam no Hospital Nossa Senhora das Graças, passam por rigorosos protocolos que garantem aos procedimentos ainda mais segurança. Tratam-se de diretrizes alinhadas pelo programa mundial “Cirurgia Segura Salva Vidas”, da Organização Mundial de Saúde, com objetivo de minimizar os riscos e evitar complicações durante e após as cirurgias.

Protocolos de Cirurgia Segura do HNSG foram desenhados para integração entre o cirurgião, anestesiologista e os diferentes setores, incluindo pré-internação,internação, avaliação pré-anestésica e de enfermagem, unidades de internação e centro cirúrgico. Com estes protocolos, utilizados no mundo todo, os pacientes sentem-se ainda mais amparados em um momento tão delicado de sua vida.

Além do paciente do HNSG ser orientado sobre os riscos decorrentes do procedimento que irá realizar, será preenchido um checklist em seu nome. Neste, equipe multidisciplinar preenche sequencialmente, por repetidas vezes, dados para checagem detalhada referente a: Paciente certo, Procedimento certo e Local e Lado certo.
Compartilhe
twitter
facebook
Envie para um(a) amigo(a)